divagares

Novembro 28 2012

General sem Medo! Assim ficou conhecido o General Humberto Delgado pelo Povo português. Protagonista de uma das mais empolgantes jornadas de luta contra o salazarismo, encheu salas, praças e ruas de todo o país na campanha eleitoral para a presidência da Republica. Eleição que ficou marcada como a mais escandalosa fraude eleitoral da história de Portugal.

De figura importante do regime fascista evoluiu para uma posição de oposição e luta activa contra o regime, em consequência da qual viria a ser barbaramente assassinado pela PIDE.

O filme Operação Outono, actualmente em exibição nos cinemas, é sobre este destacado cidadão português e retrata uma importante página do século XX português.

publicado por divagares às 19:35

Novembro 26 2012

Há cerca de 24 horas, passava a RTP1 um programa dedicado ao primeiro aniversário do Fado Património Imaterial da Humanidade. Coube a Alexandra assassinar Povo que lavas no Rio (mais gritado que cantado), fado emblemático da Grande Diva Amália.

Alexandra assasinar Povo que lavas no Rio (mais gritado que cantado), fado emblemático da grande Diva Amália.

publicado por divagares às 19:35

Novembro 24 2012


publicado por divagares às 20:15

Novembro 21 2012

Este senhor deu hoje uma entrevista, publicada em dois jornais (ou terá sido em mais algum?), Diário de Notícias e Jornal de Notícias. Quando acabei a leitura, tinha náuseas! É que o homem fala como se fosse o principal governante português! Repugnante, simplesmente repugnante!

publicado por divagares às 19:47

Novembro 21 2012

Com o apoio de Barak Obama/Nobel da paz e da sua secretária de Estado Hilaria Clinton, Israel prossegue a matança, a torto e a direito na faixa de Gaza.

 

Compare-se a situação antes e depois da criação do Estado de Israel

publicado por divagares às 11:05

Novembro 19 2012

"Não acredito que todo este conflito seja motivado por armas nucleares. Na verdade, vários estudos recentes, alguns deles das mais respeitadas agências de informações norte-americanas, mostram que não existem armas nucleares no Irão. E acredito que tudo isto não se deve apenas aos recursos iranianos mas também à ameaça de Teerão de vender petróleo no mercado internacional numa moeda que não o dólar, uma ameaça também feita por Muammar Kadhafi, na Líbia, e Saddam Hussein, no Iraque. Os norte-americanos não gostam que ameacem o dólar e não gostam que ameacem o seu sistema bancário, algo que todos esses líderes fizeram – o líder do Irão, o líder do Iraque, o líder da Líbia. Derrubaram dois deles e o terceiro ainda lá está. Penso que é disto que se trata. Não tenho dúvidas de que a Rússia está a gostar de ver a agitação entre a UE e o Irão, porque Moscovo tem muito petróleo e, se os fornecedores iranianos deixarem de vender, o preço do petróleo vai subir, o que será uma grande ajuda para a Rússia. É difícil acreditar que qualquer destes países queira mesmo entrar numa terceira guerra mundial. No fundo, o que querem é estar constantemente a confundir as pessoas, parecendo que querem entrar em conflito e ajudar a alimentar as máquinas de guerra, porque isso ajuda uma série de grandes empresas."

 

Estas são palavras de John Perkins - ex-consultor da empresa Chas. T. Main - sobre estratégias do imperialismo. Sobre Portugal diz "Está a ser assassinado como muitos países do terceiro mundo já foram."

publicado por divagares às 18:38

Novembro 17 2012

(Bruno Taveira/Portugal)

publicado por divagares às 12:38

Novembro 16 2012

publicado por divagares às 18:19

Novembro 15 2012

"Não há tolerância possível". É assim que prontamente", o sr cavaco silva que faz de presidente da Republica comentou o desfecho de ontem à noite em frente da Assembleia da República, rematando com o louvor ao corpo de intervenção da PSP.

Disto é que ele gosta! Quanto aos grandes problemas que afligem as portuguesas e os portugueses, não tem uma palavra! Invariavelmente não se dá sequer por ele. Permanece quedo e mudo lá pelas carpetes de Belém.

Mas tem nestas ocasiões - de grandes lutas do Povo trabalhador - a ajuda preciosa duns quantos Betos, Betinhos e Betinhas que se infiltram entre as massas populares para fazerem a arruaça suficiente para alimentar os tempos de antena e dar pretexto às declarações dos "Cavacos".

Contudo, a Greve Geral foi uma grande jornada contra a austeridade o empobrecimento, a destruição das nossas vidas. E a Luta Continua!

publicado por divagares às 12:10

Novembro 13 2012

publicado por divagares às 12:02

mais sobre mim
Novembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

14

18
20
22
23

25
27
29
30


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO