divagares

Março 28 2017

Alexandre Herculano.jpeg

Em 1810, no dia 28 de Março nasceu em Lisboa Alexandre Herculano. De seu nome completo Alexandre Herculano de Carvalho Araújo. Nasceu de uma família da classe média descendente de mestres pedreiros.

Uma figura que me fascina.

Será, talvez, a personalidade mais marcante do romantismo português.

Controverso, foi liberal e conservador, Católico confesso e anti-clerical. Afrontou o reaccionarismo do clero de então. Foi polémico. Pôs em causa o mito da batalha de Ourique. Do ponto de vista do estudo da história rejeitou todo o facto que não tivesse base documental.

Foi militar, funcionário da Torre do Tombo e secretário da Academia das Ciências. Foi um intelectual brilhante, romancista, poeta, jornalista, polemista, historiador. Nos últimos anos de vida retirou-se para Santarém e aí foi produtor de azeite - pelo facto, os seus detractores alcunharam-no de azeiteiro.

Recusou todas as distinções honoríficas que lhe foram propostas.

Protagonizou, segundo Joaquim Barradas de Carvalho (1920-1980) uma revolução epistemológica na historiografia portuguesa. Sobre a história feita até então, considerava-a apenas a "biografia dos indivíduos eminentes". Vale a pena dar a palavra ao professor Barradas de Carvalho:

"A uma história do sensível se substitui uma história do inteligível". Daí, o professor afirmar acerca de Alexandre Herculano, "que foi com a sua obra de historiador que nasceu em Portugal a historiografia científica."

publicado por divagares às 22:02

mais sobre mim
Março 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
14
15
16
17
18

19
20
22
24
25

27
29
30


pesquisar
 
blogs SAPO