divagares

Março 21 2015

30º. festroia.jpg

O Festival Internacional de Cinema de Tróia, cuja primeira edição teve lugar em Tróia em 1985, 30 anos depois, devido a constrangimentos financeiros não se realizará. Lamentavelmente, para 2015, não obstante a dona Maria Luís Albuquerque ter os cofres cheios, o governo não assegurou os apoios financeiros indispensáveis ao FESTROIA. Perde a cultura. Perde o cinema. Perdem os cinéfilos em geral.

De indiscutível prestígio nacional e internacional. o FESTROIA, cujas edições desde 1995 decorrem na cidade de Setúbal, constitui o mais importante acontecimento cultural da nossa cidade, quiçá do nosso distrito. No FESTROIA participaram e foram homenageadas destacadas figuras da cinematografia mundial, foi o caso de Kirk Douglas, Robert Mitchum, Alberto Sordi, Paulo Branco, Lauren Bacall, José António Berden, Francesco Rossi, Mickey Rooney, Pedro Almodovar, etc.

Nem sequer a crise pode ser invocada para "matarem" o FESTROIA. A questão é outra - a vertente anti-cultura e obscurantista que prevalece nos palácios do poder neoliberal. Quanto aos milhares de milhões que enchem os cofres da dona Maria, já tem outros destinos, nomeadamente ficarem disponíveis para "salvar" qualquer outro banco que venha a dar o berro...

29º festroi - 2.png

 

27º festroia.jpg

 

 

 

publicado por divagares às 15:39

mais sobre mim
Março 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14


22
24
28

30


pesquisar
 
blogs SAPO