Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

divagares

divagares

07
Fev19

A "greve" dos enfermeiros

divagares

Usada pelas forças da direita, a greve, assume uma forma criminosa! Crime contra as mulheres e os homens que precisam de recorrer ao Serviço Nacional de Saúde! Crime contra o Serviço público de Saúde! Em contrapartida, esta "greve" constitui um bom serviço para os hospitais privados!

51311818_2123090981110860_4506778435745480704_n.jp

(Na imagem, troca de prendas entre Rui Rio e a nefanda bastonária dos enfermeiros)

06
Fev19

Manuel Gusmão

divagares

Recebeu a Medalha de Mérito Cultural, que lhe foi entregue pelo Ministério da Cultura.

Uma mais que justa homenagem!

Manuel Gusmão. Natural de Évora. Poeta, ensaísta, professor universitário. Cidadão interveniente/combatente de causas. Sem vacilações, sempre ao lado do Povo a que pertence.

51791248_2244810525838266_7753949590432251904_n.jp

51791248_2244810525838266_7753949590432251904_n (1

51791248_2244810525838266_7753949590432251904_n (2

 

01
Fev19

Todos os homens se irmanam!

divagares

Uma inequívoca mensagem de Paz e Fraternidade Humana que nos foi deixada Por Schiler e Beetoven.

O oposto das opções actuais da União Europeia e da chamada "comunidade internacional"!

Uma mensagem magistralmente recriada pelo Béjart Ballet Lausane.

 

29
Jan19

O riso-lágrimas na poesia de Alexandre O'Neill

divagares

alexandre-oneill.jpg

E se fôssemos rir,

rir de tudo, tanto,

que à força de rir

nos tornássemos pranto,

 

pranto colector

do que em nós sobeja?

no riso, na dor,

que o homem se veja.

 

Se veja disforme

se disforme for.

Um horror enorme?

Há outro maior...

 

E se não houver,

o horror é nosso.

Põe o dente a roer,

leva o dente ao osso!

21
Jan19

Alcácer do Sal

divagares

N4.LOC1000d.jpg

Qasr Abu Dais dos muçulmanos ou Alcácer dos portugueses. Foi capital da província de Al-Kassr no tempo da ocupação árabe. Foi um importante centro estratégico militar e comercial - de Alcácer rio a fora seguiam para Setúbal as mais diversas mercadorias. Nas margens do rio Sado, entre Alcácer e Setúbal há relevantes núcleos arqueológicos, autênticas páginas de história. Reflecte actualmente, o declínio da produção agrícola e, nesta era das auto-estradas ficou remetida a um certo isolamento. Continua possuidora de um raro encanto.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D