Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

divagares

divagares

20
Mar12

Escoural, a minha terra - V

divagares

Anteriormente abordei aspectos relacionados com população residente, censos, números. Números esses que correspondem a pessoas concretas, aos Homens e Mulheres que nasceram no pedaço de terra que chamo minha - que chamamos nossa. Ou não tendo nascido, a adoptaram como sua, nela constituíram família, nasceram os seus filhos, os seus netos. Todos constituem a comunidade escouralense, a que pertencem igualmente os que saíram em busca de melhor vida.

Não vou aqui falar do Zé ou da Maria, do Chico ou da Mariana. Nem isso faria muito sentido. Mas vou ousar referir dezenas de apelidos de famílias escouralenses, algumas eventualmente já "extintas", pois todas essas famílias são a história da minha terra. Da nossa Terra.

Ai-Ai, Aita, Alcácer, Almeida, Anes, Arraiano, Azinheirinha.

Baetas, Baía, Bajaca, Balão, Baleizão, Balsinha, Banha, Barbado, Barrambanas,  Barreiras, Barrelas, Barrenho, Barrisco, Barrocas, Besugo, Bicadas, Bombaças, Boleto, Botas, Branco, Brejo, Breu, Búgio.

Cachochas, Cagarelho, Caixinha, Cálá, Calatroia, Caldeira, Caldeirinha, Calhebras, Camelo, Candeias, Canelas, Cangalhas, Canhoto, Canilhas, Capoulas, Caraça, Caracho, Caralinda, Carloto, Caramelo, Carapinha, Caravela, Carraça, Caroço, Carralho, Carreiro, Cartaxo, Catalão, Carvalheira, Carvoeiro, Casbarra, Casquinha, Charneca, Charrua, Chinita, Chocho, Chora, Cinco Réis, Concórdia, Correia, Cortiçadas, Costa, Couro, Covaças, Curraleira.

Dias, Dimas.

Emerênciano, Enguiça, Esfola, Espanhol, Espoginho, Estreitinho.

Fadista, Falca, Falcão, Falmana, Farrica, Farturas, Ferrão, Ferro, Folgôa, Formiga.

Galego, Galhofas, Galo, Galvão, Galveias, Ganhão, Gaspar, Gato, Geraldo, Gião, Gonçalves, Graxinha, Grenha, Grosso, Guindaça.

Heitor.

Ilhéu.

Jeremias, Jorge.

Lage, Laibaças, Laranjinha, Lavado, Leão, Linheiro, Lopes.

Marmeleira, Marques, Masmourra, Melgão, Melrinho, Mendes, Mesquita, Migas, Milhano, Mira, Miradores, Miranda, Monteiro, Moreira.

Narigueta, Neto, Nico, Norval, Nunes.

Paiva, Paivinha, Palmela, Parreira, Parreirinha, Patusco, Pauzinho, Pecurto, Pedrico, Pereira, Picamilho, Piçarra, Pico, Pimenta, Pinelas, Pinto, Pirralho, Pisco, Pitroco, Pomar, Porteiro, Prego, Preguiça, Prisca.

Rabino, Rainho, Ramalho, Romão, Roque, Rosa, Runa, Russo.

Safaneta, Saias, Salsinha, Sampaio, Santos, Sardinha, Saragoça, Sarilho, Searas, Serra, Setúbal, Silva, Simões, Soares, Sousa.

Tangarrinhas, Tarela, Tapadas, Tregeira, Teles, Torradinhas.

Vagarinho, Vaqueirinho, Varandas, Vasques, Velhas, Vermelho, Vida, Vidigal, Vinhas.

Zorro, Zorrinho.

Entre o povo do Escoural sempre existiu uma forte propensão para o apodo. Muito poucos escapam a ter uma ou mais alcunhas. De resto, trata-se de uma tradição bem portuguesa, que no caso do Alentejo foi objecto dum interessante trabalho, Tratado das Alcunhas Alentejanas, de Francisco Martins Ramos e Carlos Alberto da Silva (Ed. Colibrí). Há alcunhas assumidas e outras não. Algumas ternurentas, outras ofensivas. Algumas apenas usadas em círculos mais restritos, outras de uso generalizado. Lembro aqui algumas das alcunhas de pessoas do Escoural, no pressuposto de que sempre foram assumidas:

Abaladas, Alcobaça, Alcantara, Alheu, Alhinho, Arcadinho, Bacalhau, Balicha, Barreirense, Batota, Benfeito, Besunta, Brancha, Bicha, Bife, Boga, Boia, Boina, Cabra, Cácá, Cadicha, Cagaita, Caguita, Calcinhas, Cancela, Candão, Carapucetra, Caveirinha, Cerôla, Chapa, Chariça, Cholinha, Doce, Dora, Draga, Droga, Égua, Fezes, Fretes, Galambas, Gansa, Jaroi, Jarreta, Lapeira, Laraitas, Liquitó, Lombeira, Macaco, Maganão, Marreca, Matateu, Migalheiro, Moca, Mosca, Nã, Pá da Ova, Palafofa, Palharó, Palissa, Paloia, Pardala, Parrocha, Passarinho, Patachão, Patola, Pau-Preto, Pegacho, Peleve, Pelúcia, Pêto, Picapau, Piço, Pirica, Poila, Potes, Queimado,  Quimbra, Rachadinho, Remexido, Rijo, Rocha, Rolão, Ruas, Seruca, Serelha, Sola, Sopa, Tamente, Telha, Tonecas, Tónica, Tota, Três-Malhos, Vieira, Vitaminas, Xana, Zanguizarra, Zéla, Zé Balila, Zé da Gata, Zé Macaca, Zêrra, Zézica.

A todos presto o meu respeitoso tributo.

 

 

Este são os meus avós paternos - Mª. Luísa Salsinha "Mª. do Castelo" e Justino Barbado. Foto tirada nos anos vinte.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub