Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

divagares

divagares

20
Abr19

A Ronda do soldadinho

divagares

1./Um e dois e três/Era uma vez/Um soldadinho/De chumbo não era/Como era/O soldadinho/Um menino lindo/Que nasceu/Num roseiral/O menino lindo/Não nasceu/P'ra fazer mal/Menino nasceu/Já foi à escola/De sacola/Um e dois e três/Já sabe ler/Sabe contar/Menino cresceu/Já aprendeu/A trabalhar/Vai gado guardar/Já vai lavrar/E semear

2./Um e dois e três/Era uma vez/Um soldadinho/De chumbo não era/Como era o soldadinho/Menino cresceu/Mas não colheu/De semear/Os senhores da terra/O mandam p'ra guerra/Morrer ou matar/Os senhores da guerra/Não matam/Mandam matar/Os senhores da guerra/Não morrem/Mandam morrer/A guerra é p'ra quem/Nunca aprendeu/A semear/É p'ra quem só quer/Mandar matar/Para roubar

3./Um e dois e três/Era uma vez/Um soldadinho/De chumbo não era/Como era/O soldadinho/Dancemos meninos/A roda/No roseiral/Que os meninos lindos/Não nasce P'ra fazer mal/Soldadinho lindo/Era o rei/Da nossa terra/Fugiu para França/P'ra não ir/Morrer na guerra/Soldadinho lindo/Era o rei/Da nossa terra/Fugiu para França/P'ra não ir/;Matar na guerra

 

13
Abr19

Julian Assange, somos todos nós!

divagares

Com a entrega de Julian Assange, pelo bandido Moreno de Quito ao governo reaccionário inglês, subserviente dos bandidos que governam os EUA, é um pouco de nós todos, amantes da paz, que fica igualmente aprisionado!

É o momento de ser prestada toda a solidariedade a Julian Assange!

_106413595_0a621c01-84ef-4b25-bc55-89fe6dd490ee.jp

 

09
Abr19

Papel macio pró cu...

divagares

"E os meninos ensinaram-me a ser gente, a lutar por eles, a amanhar a lampreia, a grelhar o sável nas pedras do rio aquecidas pelas brasas, a rir de pequenas coisas, a sonhar com um país diferente, a saber que ler e escrever e pensar não é coisa de ricos mas para todos, para todos."

 

Palavras de uma professora - menina da cidade colocada numa aldeia do interior duriense no não muito longínquo ano de 1968 - a quem os alunos uma sexta-feira pediram, "professora vá devagar que a estrada é ruim, e não se esqueça de trazer na segunda-feira papel macio pró cu e roupa boa dos seus sobrinhos prá gente."

 

Retrato social do Portugal de então, que podia aplicar-se à terra onde nasci e fui criado de pé descalço, na encosta da Serra do Monfurado.

 

Antológico!

 

Estranhais se vos disser que chorei quando li, algures, o texto integral de que extraí aquela transcrição?

56425632_10213514662400793_3374798392810012672_n.j

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D