Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

divagares

divagares

07
Jan09

AMÁLIA, A MINHA DIVA

divagares

Sou um fã fervoroso da Amália. Amália Rodrigues. Desde puto. Sou tolerante em tudo, no que a ela diz respeito. É minha convicção pessoal que ela não soube lidar com a questão do regime fascista. Já muitos anos depois do 25 de Abril, numa entrevista - salvo erro à revista do Expresso - confessou pateticamente a sua admiração por Salazar. Com isso faz-me "engolir em seco", como se diz lá na minha terra.

Contudo, o meu fascínio por ela nunca foi beliscado. Em matéria de divindades, só acredito nas terrenas. Amália era divina. É a minha diva de eleição!

Há pouco tempo li uma crítica de Jorge Leitão Ramos ao Amália o filme. Foi uma crítica que não me pareceu justa,

Fui ontem ao cinema do Campo Pequeno ver Amália o filme (uma projecção para cinco espectadores).Saí satisfeito. Porque foi um filme sobre a minha diva? Não apenas. Achei um trabalho asseado.

Longe de mim pôr em causa as opiniões dos especialista. Não sou crítico de nada em particular porque sou crítico de tudo, no sentido em que recuso ser acrítico.

Neste caso concreto sobre que estou a divagar, limito-me a assinalar dois pormenores que o JLR destaca como negativos. Um, a estatura do actor que não corresponde à corpulência do personagem, outro, os insultos dos populares no Coliseu dos Recreios. Ambos me parecem pormenores irrelevantes.

No filme, chamaram-lhe fascista no concerto do Coliseu. É verdade que logo após o 25 de Abril foi acusada de fascista, como é verdade que fez um concerto no Coliseu. Ambos os factos ocorreram, só que em ocasiões diferentes e com muitos anos a separá-los.

A propósito, lembrei-me do Amadeus, de Milos Forman. Este realizador pôs o Salieri a assassinar Mozart, o que, segundo investigações efectuadas por estudiosos insuspeitos, não corresponde à verdade histórica. Lembro-me de na altura da estreia ter lido críticas a esse filme, com referências a essa incongruência, mas aceitando-a do ponto de vista cinematográfico e tecendo rasgados elogios (justos a meu ver) à obra.

Não são comparáveis os dois filmes.

Gostei muito do Amadeus, apesar do desagrado com a injusta atribuição a Saliieri de um assassinato que não cometeu.

Gostei do Amália o filme, e aceito a solução encontrada pelos autores para mostrarem um facto real, que toda a gente recorda.

Uma última observação, O Cerdeira esteve muito bem no papel do banqueiro. Felicito os actores em geral pelo seu trabalho.

Amália. Vou agora voltar a ouvir o CD Segredo e curtir a voz sublime da grande DIVA.

Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D